Facebook

Abertura de espaço para a cantoria no São João obtém aprovação popular

A inclusão da cantoria de viola e da poesia matuta dentro do itinerário sociocultural do São João 2019 do Assú, numa parceria da Prefeitura Municipal, através da Secretaria Adjunta de Cultura, e o Governo do Estado, por meio da Fundação José Augusto – FJA, mereceu o reconhecimento dos apreciadores da referida manifestação cultural de origem tipicamente nordestina e público em geral. “A iniciativa é louvável e tem todo o aplauso dos apologistas da cultura do Nordeste”, declarou o poeta e cantador Dalmo de Sá Leitão, que se integrou à primeira edição do evento, ocorrida sábado, dia 15 de junho.

A realização transcorreu entre oito e nove da manhã e sete e oito da noite do sábado que passou na área externa defronte a Casa de Cultura Popular Sobrado da Baronesa, centro da cidade. Membros da comissão que organizou o evento, o secretário adjunto de Cultura, Paulo Sérgio Sá Leitão, e o Agente de Cultura, Thiago França, também julgaram positivamente a cantoria, que teve a participação dos poetas, cantadores e repentistas Ribamar Freire e Joacir Zacarias. A próxima edição da cantoria dentro do São João será realizada no dia 22, sábado, nos citados horários, novamente na Casa de Cultura Popular Sobrado da Baronesa.

Imagens: Marcos Costa/Assessoria



 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras