Facebook
TEMPO ASSÚ
Muito sol
34°C
 
14 de março de 2018 - Em:

Ação institucional de assistência estudantil beneficia 328 alunos do Assú

Investimento determinado pelo prefeito Gustavo Montenegro Soares e que objetiva garantir subsídio financeiro para o deslocamento de alunos carentes do município que têm necessidade de estudar em unidades de ensino técnico e superior noutros centros – localizados precisamente nas cidades de Angicos e Mossoró –, o programa Bolsa Educação cooperará, no período correspondente aos meses de fevereiro a junho, com um total de 328 (trezentos e vinte e oito) estudantes.
A lista de contemplados foi publicada dia 5 deste mês no Diário Oficial do Município – DOM. O programa é gerido pela Secretaria de Assistência Social, Trabalho, Cidadania e Habitação. A secretária Helenora Rocha relembra que, logo ao assumir, o chefe do Executivo recomendou o restabelecimento da ação, após todo um recadastramento dos beneficiários. “Esta providência foi indispensável para que algumas imperfeições fossem corrigidas e possibilitar que o programa beneficie quem realmente precisa da ajuda do poder público”, justificou.
Para os discentes que estudam em Angicos a contribuição mensal é de R$ 80,00 (oitenta reais), atendendo 162 (cento e sessenta e dois) alunos. O valor mensal é de R$ 12.960,00 (doze mil e novecentos e sessenta reais). Os estudantes que seguem para Mossoró, no total de 166 (cento e sessenta e seis), têm direito a uma colaboração de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais), totalizando no mês a importância de R$ 24.900,00 (vinte e quatro mil e novecentos reais). O custeio mensal global é de R$ 37.860,00 (trinta e sete mil e oitocentos e sessenta reais).

Imagem: Ilustração/Assessoria