Facebook
TEMPO ASSÚ
Céu quase limpo
21°C
 
27 de dezembro de 2017 - Em:

Educação sequencia preparativos para começar ano letivo de 2018 no dia 5 de fevereiro

Dentro do planejamento traçado pela secretaria Municipal de Educação e Cultura, da Prefeitura do Assú, o ano letivo de 2018 terá seu ponto de partida no dia 5 de fevereiro, uma segunda-feira. Essa é a data na qual serão retomadas as atividades letivas em todas as unidades escolares pertencentes à rede pública municipal de ensino, adianta a titular da pasta, Shirley Pinto (foto). Segundo a secretária, a preparação com este fim vem sendo observada desde o mês de outubro passado. “A partir de outubro toda a equipe da Secretaria começou a trabalhar no nosso calendário escolar de 2018 para que tudo possa transcorrer normalmente”, declarou a secretária municipal.

Com o intuito de iniciar as aulas sem percalços, a Secretaria está diligenciando uma série de ações para garantir que não ocorram sobressaltos. Por exemplo, registrou a secretária, estão sendo agilizados os processos licitatórios voltados para transporte escolar, merenda escolar, carteiras escolares, fardamento do alunado, material didático, etc. Com referência ao fardamento que será utilizado pelos alunos dos Ensinos Infantil I e Fundamental I e II, Shirley Pinto ressalta que foi adotado o modelo escolhido em enquete promovida pela Secretaria e que registrou a participação de professores e alunos de todas as 34 escolas das áreas urbana e rural do município.

Outra providência em curso com vistas ao ano letivo 2018 diz respeito à realização de um novo Processo Seletivo Simplificado voltado para a admissão temporária de professores para suprir a carência de docentes da rede pública municipal. Neste contexto, foi levado à deliberação da Câmara de Vereadores projeto solicitando autorização legal para a contratação de 50 (cinquenta) profissionais que substituirão os que atuaram no setor este ano e que terão seus contratos expirados em 31 de dezembro corrente. Shirley Pinto esclareceu que, alinhado à política de diminuição de despesas, este certame reduzirá em 15 (quinze) o número de vagas na comparação com a seleção deste ano, que ofertou 65 (sessenta e cinco) vagas.

Imagem: Alex Silva/Assessoria