Facebook
Failure notice from provider:
Connection Error:http_request_failed
18 de setembro de 2019 - Em:

Escola municipal de Assú é escolhida para projeto que apontará boas práticas no país

Unidade escolar pertencente à rede pública municipal de ensino do Assú, a Escola Professora Nair Fernandes Rodrigues está entre os estabelecimentos de educação que foram selecionados para um estudo nacional que, ao final, vai mostrar as melhores experiências de educação pública do Brasil, nas redes de ensino fundamental (1º ao 9º ano). O levantamento está sendo realizado pelo Instituto Rui Barbosa – IRB e a ONG Interdisciplinaridade e Evidências no Debate Educacional – IEDE, organizações responsáveis pelo projeto “Educação que faz a Diferença”, iniciativa que conta com apoio dos Tribunais de Contas de todo o país.

O projeto visa reconhecer e dar visibilidade às redes de ensino que estão realizando um trabalho de destaque, além de identificar e documentar as práticas de gestão e de acompanhamento pedagógico e administrativo adotado por cada uma delas, de modo que possam servir de inspiração para outros municípios. A ação, executada em várias etapas, começou com a análise de indicadores como os resultados do IDEB e Prova Brasil, selecionando assim as escolas participantes da pesquisa de campo. A segunda etapa do processo consistiu na aplicação de questionários e entrevistas, realizadas por equipes dos Tribunais de Contas nas unidades de ensino.

No estado, o trabalho foi realizado pelos auditores de Controle Externo Aleson Amaral e Luzenildo Morais da Silva, que passaram uma semana visitando a Escola Municipal Nair Fernandes, e as demais selecionadas, conferindo in loco os resultados apresentados. Com o trabalho de coleta de dados encerrado, os resultados são encaminhados para o IRB e IEDE, que fazem a compilação final dos indicadores e definem, a partir de critérios previamente elaborados, as escolas selecionadas para receber um selo de qualidade, como referência do trabalho que executam. A pesquisa resulta numa publicação com boas práticas, difundida em todo o país, cujo resultado e lançamento ocorrerão em evento a ser realizado até dezembro.

As escolas analisadas poderão ser reconhecidas com base em três patamares: Redes de Excelência – integradas pelas unidades que, a despeito de todos os desafios que enfrentam, conseguiram atingir patamares de qualidade com equidade, garantindo o aprendizado de todos os alunos; Redes Bom Percurso – apresentam evolução consistente na aprendizagem dos alunos e no fluxo escolar, mas ainda não atingiram indicadores expressivos e; Destaque Regional – integradas pelas redes nos estados em que se encontram e respeitam critérios mínimos de qualidade.

Imagem: Reprodução



 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras