Facebook
19 de julho de 2018 - Em:

Iniciado programa Vale Cidadão/Alimento na Mesa voltado para os mais carentes

Programa de suplementação alimentar que tem como alvo beneficiar famílias sob condição de vulnerabilidade social, o Vale Cidadão/Alimento na Mesa já foi deflagrado e, neste primeiro momento, adianta a secretária de Assistência Social, Trabalho, Cidadania e Habitação, Helenora Rocha, prevê atendimento a um total de 1.000 (mil) contemplados, nas áreas urbana e rural do município. Iniciativa de largo alcance social, o programa se constitui no resgate de um dos compromissos firmados perante a população do Assú pelo prefeito Gustavo Soares. A comunidade quilombola Bela Vista Piató foi uma das favorecidas (fotos).

A ação começou atendendo às famílias já favorecidas através de programas gerenciados pela Secretaria – tais como CREAS, CRAS, Criança Feliz, SCFV, etc. – e que recebem acompanhamento profissional (palestras, oficinas e orientações sociais); que possuam renda ‘per capita’ de até meio salário mínimo, e o NIS, que são critérios fixados pelo Sistema Único de Assistência Social – SUAS. A secretária informou que as equipes do órgão municipal chegarão à meta inicial de 1.000 (mil) beneficiários através da Busca Ativa que, mediante confecção do parecer social, vai identificar quem pode ser enquadrado ao programa.

O Diário Oficial do Município – DOM do dia 19 de junho publicou cópia do Termo de Contrato nº 126/2018, firmado entre o Fundo Municipal de Assistência Social do Assú e a empresa G. C. de Carvalho ME objetivando a operacionalização do programa Vale Cidadão/Alimento na Mesa. A empresa trocará os tickets do programa apresentados pelos beneficiários por produtos alimentares, de higiene pessoal e de limpeza doméstica. O valor do ticket do programa institucional será de R$ 80,00 (oitenta reais), representando um aporte global de R$ 560.000,00 (quinhentos e sessenta mil reais) mensalmente.

Imagens: Deybson Werick/Assessoria



 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras