Facebook
TEMPO ASSÚ
Algum sol
37°C
 
9 de março de 2018 - Em:

Município acelerará ações relativas à implantação do Aterro Controlado

O projeto que tem por fim a implantação do Aterro Controlado do município do Assú poderá ser agilizado diante da confirmação de que a Prefeitura não necessitará de licenciamento ambiental para realizar a supressão vegetal no terreno já identificado para acolher o empreendimento. A garantia de que o Poder Público está isento de requisição com este fim ao Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte – Idema/RN foi dada pela engenheira florestal do órgão, Tamires Leal, em visita ao imóvel onde o Aterro será construído, terça-feira última, dia 6.
Durante a visita a engenheira foi acompanhada por dois profissionais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente: Fernanda Paz, técnica-administrativa; e, Carlos Pierre Gouveia, coordenador executivo. Como primeira consequência da agenda vivenciada pela técnica do Idema/RN, na próxima segunda-feira, dia 12, a Secretaria endereçará ofício à direção do órgão ambiental, em Natal, solicitando a autorização para limpeza de área do terreno reservado para a edificação do Aterro Controlado. “Este fato vai permitir à gestão avançar substancialmente no cronograma de instalação do Aterro”, frisou o secretário Jonaelson Medeiros.
No dia 11 de outubro de 2017 representantes de diversos órgãos da Prefeitura se reuniram com o propósito de tratar do tema. Na oportunidade, de acordo com Jonaelson Medeiros, se colocou sobre a mesa itens como planejamento de ações, prazos, divisão de atribuições por setor, etc. A finalidade foi procurar evoluir em torno do assunto, em conformidade com o que está contido no Termo de Ajustamento de Conduta – TAC pactuado com o Ministério Público Estadual. No dia 5 do mesmo mês, uma equipe do Ministério Público e da Prefeitura do Assú se reuniu para tratar da situação da área.

Imagem: Alex Silva/Assessoria