Facebook
TEMPO ASSÚ
Céu muito nublado
29°C
 
19 de outubro de 2018 - Em:

Promotora de Justiça vistoria Aterro Controlado e colhe dados relativos à obra

Compromisso pactuado entre a gestão, o Ministério Público Estadual, a Procuradoria Geral do Estado e o IDEMA/RN, o projeto de construção do Aterro Controlado do Assú pautou a agenda da 1ª promotora de Justiça da comarca, Fernanda Guerreiro, na manhã desta quinta-feira, dia 18. Em companhia de representantes do Poder Executivo, à frente a vice-prefeita Sandra Alves, a fiscal da lei pôde retornar à área na qual o empreendimento está assentado. O propósito de visita foi coletar informações mais atualizadas com referência à estruturação do Aterro Controlado municipal.

Os secretários municipais Marcelo Galvão (Obras Públicas), Jonaelson Medeiros (Meio Ambiente) e Samuel Fonseca (Serviços Públicos), além do engenheiro civil e fiscal da obra, Paulo Leite, foram responsáveis por transmitir os dados que eram indagados pela representante do Ministério Público. Um dos encaminhamentos foi que as instituições voltarão a se reunir no dia 9 de novembro vindouro, uma sexta-feira, na sede das Promotorias de Justiça em Assú, a fim de promover adequação de prazos no Termo de Ajustamento de Conduta – TAC relativo ao projeto.

A obra de engenharia está sob execução da empresa S. B. da Silva Comércio e Serviços EPP, e o valor do investimento é de R$ 251.737,30. A realização simboliza a determinação do prefeito Gustavo Soares de garantir a destinação social e ambientalmente correta do lixo público do Assú. O chefe do Executivo encarou o desafio de resolver de vez este problema do espaço apropriado para o depósito do lixo do Assú e está dando o tratamento prioritário que o assunto merece, objetivando equacionar mais uma deficiência estrutural que a cidade ainda tem e que a sociedade espera por uma resposta positiva do governo municipal.

Imagens: Alex Silva



 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras