Facebook
25 de novembro de 2019 - Em: , , ,

Crianças de Ipanguaçu vivenciaram aula de campo na Casa de Cultura Popular

Numa programação que versou sobre história, poesia, cultura, música, artesanato e outras manifestações artístico-culturais, alunos da Educação Infantil da Escola Municipal Francisco Targino Nobre, na comunidade rural de Língua de Vaca, em Ipanguaçu, participaram de uma manhã de atividades externas na Casa de Cultura Popular Sobrado da Baronesa, em Assú. Os estudantes foram acompanhados pela supervisora da Educação Infantil, Adriana Karla Barbalho Pereira e professores da Creche, da Pré-Escola I e Pré-Escola II da citada unidade educacional.

“É sempre bom recebermos gente que soma conosco conhecimentos e divide sonhos. Foi um momento engrandecedor para todos nós. Um valioso e importante intercâmbio cultural, difundindo a história do nosso lugar e nossa cultura popular”, declarou o secretário municipal adjunto de Cultura da Prefeitura do Assú, Paulo Sérgio de Sá Leitão, que foi responsável pela recepção à comitiva escolar de Ipanguaçu no interior da Casa de Cultura ao lado do poeta popular Francisco Inácio Ferreira, “Boinho”, e dos agentes de cultura da Fundação José Augusto – FJA, Aldo Cardoso e Thiago França.

Os visitantes participam do Projeto Curumim, executado na Escola Municipal Francisco Targino Nobre. É um programa permanente de educação não formal que visa o desenvolvimento integral da criança por meio de atividades educativas, culturais e de lazer, compreendidas em atividades físicas, esportivas, artísticas, socioambientais, de promoção da saúde, cidadania e sociabilização. A acolhida à delegação ainda contou com uma apresentação musical dos alunos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV, em Assú, sob a regência do maestro José Brito.

Imagens : Reprodução



 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras