Facebook

Prefeitura preenche FIDE para remetê-lo à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil

Depois da oficialização do estado de calamidade pública municipal em virtude da pandemia do coronavírus (COVID-19), medida instituída por meio do Decreto nº 021/2020, do dia 7 de abril, assinado pelo prefeito Gustavo Montenegro Soares, e seu reconhecimento na alçada a Assembleia Legislativa Estadual, a Prefeitura do Assú agora se debruça por sobre a confecção do Formulário de Informações de Desastre – FIDE. Após sua plena elaboração, o documento será encaminhado pela gestão à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, instalada em Brasília.

O processo de coleta de dados e informações para tal confecção está sendo conduzido pela equipe da Comissão Municipal de Proteção e Defesa Civil – COMPDEC, tendo à frente o também secretário municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, Jonaelson Medeiros Galvão (foto). Ele explica que o FIDE é um documento que tem como objetivos o reconhecimento das situações de anormalidades referentes aos desastres naturais. Uma de suas funções primordiais, acrescenta o auxiliar do Executivo, é projetar estatísticas que possam auxiliar a caracterizar a dimensão de danos em geral.

Imagem: Alex Silva/ Assessoria



 
O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras